quinta-feira, 21 de abril de 2016

hipnose perguntas



Este vídeo hipnose perguntas,  foi feito para que vocês me digam o que é que querem como videos para o futuro.









Fórum- http://www.hipnose.forum-officiel.com...

Facebook-  https://www.facebook.com/hipnoseparatodos/?fref=ts

Blog- http://www.hipnosetodos.blogspot.com

domingo, 27 de março de 2016

Hipnose- Regressão a vidas passadas

Hipnose- Regressão a vidas passadas.




Todos nós temos memórias de vidas passadas,  memórias emocionais das vidas que cada um de nós foi vivendo ao longo dos séculos, milénios, e por vezes, milhares de milhões de anos… na realidade, desde a primeira vez que encarnámos no mundo da matéria.



















Fórum- http://hipnose.forum-officiel.com/



Facebook- https://www.facebook.com/hipnoseparatodos/?fref=ts


Blog- http://www.hipnosetodos.blogspot.com







hipnose para todos



Hipnose- Regressão a vidas passadas


terça-feira, 8 de março de 2016

Hipnose induções rapidas

Hipnose induções rapidas



A indução rápida tem como característica não durar mais de um minuto e é uma das principais causas de espanto entre seus espectadores!





Existem vários tipos comuns que irei dar exemplos, mas peço-lhe para desenvolver e inventar outros. È importante que procure compreender os mecanismos.

Estas induções são praticadas individualmente. Eu  aconselho  a estar sempre em contato com seu voluntario, para o tranquilizar.

 

 



*Indução por fascinaçao


Veja como fazer- posicionar-se de frente para seu parceiro e pedir-lhe que fixe os seus olhos intensamentecomece uma contagem de 5 a 0 (ou 3 a 0 pouco importa) e diga que no final da contagem, seus olhos se fecham e ele vai relaxar completamente todo o seu corpo, como se mergulhasse profundamente no seu interior.

 




Indução, através da fixação da mão

Nada a dizer realmente sobre esta indução, se não é a versão rápida da indução por fiscinação que eu ensinei. Peça para a pessoa fixar sua mão (ou até mesmo sua própria mão, por que não?) e diga-lhes que quanto mais a mão se aproxima, mais as suas pálpebras pesão, e quando a mão tocar na cara, ela irà "dormir".

 

 

 




Indução, baldes de água


Esta é uma indução original. É uma indução por sensação, indução imaginativa, que permite medir a capacidade de imaginação e sugestionabilidade do seu voluntario. Ponha-se ao lado do seu parceiro. Peça-lhe para imaginar que ele segura em uma mão (de preferência a do lado que você está), um balde. Nesse balde, você adiciona 1 litro de água. Em seguida, 2L e 3L! Explique que este balde fica pesado e diga que o corpo começa a se inclinar com o peso do balde, que fica mais e mais pesado. Finalmente, quando o momento parecer o certo para você (infelizmente eu não posso ser mais específico), puxe a mão (do balde) para baixoe diga-lhe  "dorme". E faça o aprofundamento. 

 

 




A indução das borboletas

 

É uma indução muito boa pela razão que há muitas variantes.

 Mas, por agora, aqui està a indução básica:

Pegue numa das mãos do seu voluntario e agite-a suavemente para se certificar de que está relaxado. Mantenha o movimento até ao final da indução, você irà entender o porquê. Ao mesmo tempo peça-lhe para  seguir o movimento dos dedos com os olhos. E continue a dizer "sege os meus dedos, segue os meus dedos...".

 Movendo a mão, os olhos  seguindo os dedos e a atenção fixada na sua voz, o que é  que você está fazer? Vamos, eu tenho certeza que você pode encontrar o termo técnico! A hiper-estimulação dos sentidos! E isso é o que vai criar o estado de hipnose. Mas isso não deve durar muito tempo. Continue por uns 20 segundos e depois puxe ligeiramente o braço e diga "dorme!"



Em  todos estes exemplos eu digo a palavra "Dorme", mas a palavra em si não tem importancia, poderia dizer "Banana", "Chuchu", "Amarelo" ou mesmo a que eu mais gosto  "Agora", o que interessa é que a pessoa saiba o que deve fazer quando se disser e palavra.

Espero que tenhas gostado!

Podes deixar o teu comentario para que eu saiba o que pensas destas induções.

Deixa uma menssagem se estiveres  interessado que eu faça um video demonstrativo com estas induções.

Convido-te a visitar o forum de hipnose



 

 

 

 Hipnose- induções rapidas

 

segunda-feira, 7 de março de 2016

O que é a hipnose ?



O que é a hipnose?


A hipnose é simplesmente um estado tão natural como o  sono ou o de estar acordado.
Isto é o que chamamos de um estado alterado de consciência.








Para entender melhor, isso acontece com você, quando sai de casa pela manhã em direção ao seu trabalho  (ou outro local),  e quando chega ao seu destino percebe que não tem idéia do que aconteceu entre o ponto A e o ponto B , se virou a direita ou a esquerda. E provavelmente não percebeu o tempo que passou.




O que aconteceu?

Uma parte de você está desconectada do resto e a outra assumiu o "comando: para leva-lo/a em segurança até ao seu destino o mais rápido possível", enquanto outra parte de você teve concentrada em outra coisa.




De alguma forma você estava numa espécie de estado hipnótico.

Enquanto alguns vão dizer-lhe que  está em contato direto com o seu inconsciente, outros vão dizer que você está conectado com a sua alma ou com o universo e outros que você está prestes a correr para os braços do diabo.




Talvez eles estejam corretos ou não, o que proponho como definição é:

" É um estado onde você será capaz de se concentrar no que é realmente importante e  encontrar o mais rapidamente possível a melhor solução a aplicar sem ser bloqueada pelas barreiras do pensamento comum."



Gostou deste artigo?

Deixe-nos aqui (http://hipnose.forum-officiel.com/t69-o-que-e-a-hipnose) a sua  definição de hipnose.



Facebook-  https://www.facebook.com/hipnoseparatodos?fref=ts 




domingo, 24 de janeiro de 2016

Ab-reação



Ab-reação



A ab-reação é uma liberação emocional intensa. Este é um fenômeno parcialmente imprevisível, a sua presença, deve tanto quanto possível ser limitada quando se faz hipnose de rua ou espetáculo. De acordo com o modelo teórico psicanalítico de Freud e Breuer, a ab-reação teria a virtude de ser a catarse, ou seja, ela iria libertar o paciente do afeto negativo associado a um trauma psicológico.








A ab-reação, do ponto de vista terapêutico



A ab-reação pode ser causada pelo terapeuta se ele acha que é necessário para o paciente, para que o terapeuta possa passar através da regressão ou recordando memórias dolorosas. É importante notar que, hoje, os modelos teóricos  lutam contra a ideia de que a palavra poderia libertar a consciência do trauma. Por exemplo, as terapias cognitivas e comportamentais, postulam que é necessário trabalhar sobre o fator que mantem o transtorno  no aqui e agora o acesso ao conteúdo traumático não é necessariamente útil para as mudanças. Dito isto, o risco zero não existe, uma ab-reação pode ocorrer de forma inesperada durante a hipnose de rua. O hipnotizador, no entanto, tem várias ferramentas para evitar ao máximo





Sintomas



A ab-reação não é apenas uma crise de lagrimas passageira, ela pode levar o voluntario a um verdadeiro desafio. Fisicamente, a ab-reação, pode se manifestar de muitas formas diferentes, ataque de lágrimas, palidez, sensações de bola estômago, sensações de tontura, falta de ar ou respiração rápida. Os sintomas são variados e específicos para cada um, será necessário contar com as palavras do voluntário, mesmo que ele não tenha necessariamente as palavras certas para exprimir o que  sente.  Pergunte também se ele conhece esses sentimentos (sensações), e como é que ele faz geralmente para os controlar.





Evitar ab-reações



Fusíveis



Este  é tipo de sugestão "salvaguarda" o hipnotizador vai fazer ao longo do pré-talk, aprofundamento e da sessão. Frases como "se algo não lhe convém você pode mudar de posição, mudar as sugestões ou até mesmo reabrir os olhos. Esta é a sua sessão de hipnose e é feita para beneficiá-lo." Desta forma, damos de volta o livre arbítrio do paciente e nos tranquilizamos. Como disse anteriormente, ab-reação pode ocorrer por recordação de uma memória, por isso vamos usar durante o aprofundamento lugares neutros como uma "praia, floresta, jardim... "  Lugares que não são marcados com lembranças. De uma lembrança feliz pode preceder uma memória infeliz.




Calibração



Trata-se de usar todos os seus sentidos para recolher informações. Através deste processo, o hipnotizador observa finamente o seu voluntario ao longo de toda a sessão  para ver se há uma mudança de comportamento verbal ou não-verbal, da qual poderá sugerir uma onda de ansiedade. Quando isso ocorre, o hipnotizador pode perguntar ao voluntário se esta tudo bem e agir em conformidade.

Na menor dúvida por parte do hipnotizador, este deve priorizar o bem-estar de seu parceiro e parar a sessão em vez de continuar com o risco de causar uma ab-reação.






Conselhos



Então eu só posso incentivá-lo a fazer todos os esforços para proteger o voluntário, mas também para se proteger. O melhor conselho que lhe pode ser dado, na minha opinião é preste atenção a sua intuição. Com isto quero dizer que se sentir que algo está errado,  preste atenção. Se isso acontecer, tem que levar o tempo que for preciso para "estabilizar" o seu voluntário, tranquilizá-lo e acompanhá-lo em um estado de relaxamento. O relaxamento é um antagonista de ansiedade por isso use todas as suas habilidades, sua empatia, mas também as palavras de seu voluntário. Finalmente, mantenha a calma, porque se ele sente que está nervoso isso só vai aumentar o seu nervosismo.



Não deixe o seu voluntário, até que esteja tudo bem.







terça-feira, 29 de dezembro de 2015

hipnose para todos teste maos magneticas



Teste maos magneticas 










Os testes de sugestibilidade são frequentemente usados antes da indução de transe hipnótico, a fim de avaliar a recetividade dos voluntários as sugestões do hipnotista.





















domingo, 20 de dezembro de 2015

A hipnose é aprender a comunicar



A hipnose é aprender a comunicar



Resultado de imagem para comunicar


Como qualquer ser humano que quer descobrir e aprender coisas novas, você precisa de bases. E isso é  a aprendizagem que eu quis fornecer com o livro "Hipnose para todos".
Se você é um novato  que deseja se tornar um hipnotista ou hipnoterapeuta / médico que pretende utilizar técnicas de induções mais rápidas ou instantâneas, você é vítima dos seus próprios pensamentos limitantes.

O novato está convencido de que ao conhecer as técnicas corretas irá abrir as portas da hipnose, o hipnoterapeuta formado em hipnose Ericksoniana vê a hipnose clássica (usada  especialmente em espetáculos) como a arte complexa de obter rapidamente as pessoas em transe profundo. Em ambos os casos, as induções instantâneas deixam sempre  duvidosos e perplexos.

Não, hipnose rápida ou instantânea não é apenas uma série de técnicas de ultra-complicadas.



A comparação com a escola de condução


Agora você é um instrutor de condução, e seu objetivo é ensinar os seus alunos a dirigir. Quanto mais você se tornar bom, mais rápido os seu alunos irão aprender. E se por sorte você se deparar com um aluno que tem predisposição, a aprendizagem será ainda mais facilitada. É a combinação dos dois (bom monitor e um bom aluno) que permite que algumas técnicas de hipnose tenham uma imagem tão espetacular. Um bom hipnotista com um voluntário muito receptivo tanto pode facilmente deixar alguma dúvida sobre a autenticidade da sessão, como a velocidade de execução pode impressionar.
O que é interessante também, são as exceções. Um mau monitor, se lhe calha  um excelente aluno, ou mesmo um condutor talentoso, poderá fazer passar à primeira num teste bem sucedido sem ter tido muito esforço. E é ai que os hipnotistas iniciantes , que encontram excelentes voluntários, podem dar a impressão de fazer grandes proezas. Quando na realidade foi o voluntário que fez tudo, e não o hipnotista aprendiz. O voluntário pode também, (se o hipnotista não desmistificou o suficiente) atribuir esse poder para o hipnotista pela simples razão de que ele não sabia que todos esses recursos emergiram dele. Mas isso seria um erro (grave).

Um bom instrutor de condução será aquele que recebe a maior proporção de sucesso numa ampla gama de estudantes. E da mesma forma, um bom hipnotista  de rua será aquele que tem fenômenos hipnóticos complexos (que comprovem a chamada hipnose "profunda") em uma ampla gama de voluntários. Porque ser hipnotizado é algo que se  aprende, um bom hipnotista será capaz de usar as técnicas corretas no momento certo para permitir que o seu voluntário  compreenda o que se espera dele.

O bom hipnotista, é também aquele que vai ser capaz de se adaptar às expectativas e crenças do seu voluntário.




O paradoxo da hipnose

Se eu  disse-se desde o início: "aprender todas as técnicas de meu livro não servirá para nada, porque ir-se-à afastando gradualmente  para poder forjar o seu próprio estilo, aquele que melhor combina com sigo e que será mais eficaz na sua abordagem de comunicação com os outros, "



"O que é que ele esta para aqui a dizer? Eu só quero hipnotizar, eu não estou aqui para aprender a comunicar! "



Hipnotizar alguém, é  guiá-lo através de gestos e palavras. Isso é  comunicar, como costumamos fazer, mas com um propósito diferente. Na vida do dia a dia, nós nos comunicamos para compartilhar ou coletar informações, como comunicamos para argumentar, persuadir ou seduzir. E alguns são melhores que outros nestas áreas!

Da mesma forma, podemos aprender a  comunicar para acompanhar alguém na direção de um transe profundo. Mas não há uma técnica. Há milhares de técnicas! E, talvez, tantas técnicas como voluntários. Quanto mais você conseguir se adaptar para variar as técnicas de acordo com seus voluntários, mais irá  conseguir transformar fracassos em sucessos.



E a hipnose de rua?


O aviso a seguir é pessoal. Em nenhum momento eu ouso fingir que estou certo, ou que sou o melhor. Esta é a minha perspectiva de evolução, e partilho-a para leva-lo também a pensar e fazer perguntas. Não tome o que eu digo como uma verdade unica.


Um hipnotista de rua que se limita com a hipnose Ericksoniana... é porque não percebeu nada! 

Um hipnotista de rua que se limita com a  hipnose clássica... é porque não percebeu nada! 

Um hipnotista de rua que se limita com as duas técnicas anteriores... também não percebeu nada!


 Se adaptando a cada voluntário, usando adequadamente uma série de ferramentas  (o mais vasto possível), você será capaz de guiar qualquer pessoa para um transe profundo. E é isso que farà de si um bom hipnotista de rua.


No livro "Hipnose para todos", eu oriento fortemente as tecnicas para a hipnose Classica. Porque este é o primeiro passo obrigatório e necessário (no meu pensar) em direção da sua viagem para aprender hipnose. Mas este é apenas o primeiro passo. Então leia sobre hipnose Ericksoniana, tenha interesse em o que é feito em outros lugares, guarde tudo o que o inspira e lhe de a oportunidade de progredir tecnica e humanamente.